5 years ago

Um Café Lá em Casa com João Donato e Nelson Faria

Um Café Lá Em Casa
Um Café Lá Em Casa
Venha fazer esse café com a gente e tenha benefícios exclusivos do clube de assinantes:

https://recorrente.benfeitoria.com/umcafelaemcasa



E não deixe de se inscrever em nosso canal do Youtube, toda semana temos um convidado novo, com muitas histórias, boa música e, claro, um ótimo café.

https://www.youtube.com/user/umcafelaemcasa


*

João Donato, em sua infância, costumava brincar de música com flautinhas de bambu e panelas. Depois, recebeu de presente um acordeão de oito baixos e, mais tarde, um acordeão maior. Em 1945, mudou-se para o Rio de Janeiro com sua família. Apesar de amigo de todos os expoentes do movimento bossanovista, como João Gilberto, Tom Jobim, Vinícius de Moraes e Johnny Alf, entre outros, nunca foi caracterizado unicamente como tal, e sim um músico muito criativo e que promove fusões musicais, de jazz e música latina, entre tantos outros.


Acesse nosso site:
http://www.umcafelaemcasa.com.br

Conheça nossa página no Facebook:
https://www.facebook.com/umcafelaemcasa

APOIO:
Roland (www.roland.com.br)
TK Personalizações (www.tkpersonalizacoes.com.br)
Da Casa da Táta (www.dacasadatata.com.br)
FBS Sonorizações (www.fbs.art.br)
O Árabe da Gávea


*


JOÃO DONATO

Nasceu no Acre, e começou a tocar acordeão e piano na infância. Muda-se para o Rio de Janeiro na década de 40 e no início dos anos 50 já atua profissionalmente na noite carioca. Passa a se interessar por jazz e bossa nova, tocando na boate Plaza, onde o titular era Johnny Alf. Logo faz amizade com Tom Jobim, João Gilberto, Luiz Bonfá e outros.

Gravou alguns discos na década de 50, e em 1959 foi para o México, seguindo para os Estados Unidos, onde morou alguns anos. Excursionou pela Europa com João Gilberto e, de volta ao Brasil, em 1962, gravou o disco "Muito à Vontade". Em seguida voltou para os Estados Unidos, onde morou por mais dez anos.

Lá gravou discos solo e com outros artistas e algumas de suas composições fizeram muito sucesso, como "Amazonas", "A Rã" e "Bananeira", caracterizadas pela originalidade rítmica levada ao piano. De volta ao Brasil, lançou em 1975 "Lugar Comum", com parcerias com Caetano Veloso e Gilberto Gil, seguido por outras gravações. Suas músicas, com forte caráter instrumental, ganharam letras de parceiros diversos.

Em 2000 a gravadora norte-americana Elephant Records lançou o CD "Amazonas", incluindo alguns dos maiores sucessos, como "Sambolero", "Vento no Canavial" e "Aquarius".


NELSON FARIA

Um dos mais expressivos músicos brasileiros, Nelson Faria carrega em sua bagagem musical 12 CDs gravados, oito livros – sendo dois deles com edições nos EUA, Japão e Itália – um DVD com o grupo Nosso Trio e a vídeo-aula Toque de Mestre. Além disso, participa como músico, arranjador e/ou produtor em mais de 200 CDs de diversos artistas nacionais e internacionais. Também assina o modelo de guitarra Condor Nelson Faria Signature (JNF-1), desenvolvido pelo artista em parceria com a renomada fábrica de instrumentos.

Entre artistas com quem dividiu palcos e estúdios, destacam-se João Bosco, Cassia Eller, Gonzalo Rubalcaba, Ivan Lins, Till Broenner, Zélia Duncan, Ana Carolina, Milton Nascimento, Toninho Horta, Tim Maia, Leila Pinheiro, Nico Assumpção, Gilson Peranzzetta, Paulo Moura, Wagner Tiso, Edu Lobo, Fátima Guedes, Karolina Vucidolac, Josee Konning, Lisa Ono, Baby do Brasil, Pascoal Meirelles, Antonio Adolfo, Nivaldo Ornelas, Mauro Senise, Maurício Einhorn e muitos outros. Em sua carreira, ele acumula apresentações no Brasil e em mais de 30 países no mundo.

Atualmente, Nelson Faria também atua como professor na Universidade de Örebro, na Suécia, além de trabalhar ao lado das mais importantes bigbands da Europa e dos EUA como arranjador e solista convidado. Desde março de 2015, é também apresentador do programa "Um café lá em casa", veiculado na web.

Browse more videos

Browse more videos