2012: ano que a Síria não vai esquecer

afp portugues
553
18 visualizações
  • Informações
  • Exportar
  • Adicionar a
O número de mortos na guerra da Síria passou de 42 mil em 2012. O regime de Bashar al-Assad viu autoridades renunciarem, rebeldes se apoderarem de cidades e até abaterem uma aeronave militar. Mas a repressão sangrenta do governo continuou. Mais de meio milhão de sírios fugiram, em um ano marcado pela violência no país.

0 comentários