Advertising Console

    O impasse de Assange

    afp portugues

    por afp portugues

    786
    11 visualizações
    O Equador concedeu asilo ao fundador do WikiLeaks Julian Assange nesta quinta-feira, mas a chancelaria britânica insiste que sua obrigação é extraditá-lo para a Suécia, onde é acusado de agressões sexuais. O ministro das Relações Exteriores do Equador, Ricardo Patiño, afirmou que o país não descarta a possibilidade de recorrer a organismos internacionais de justiça pra fazer prevalecer sua decisão.