Literatura latino-americana vive expansão, diz argentino Ricardo Piglia

Veja

por Veja

746
31 visualizações
  • Informações
  • Exportar
  • Adicionar a
A literatura latino-americana vive uma boa fase. Nomes como o do chileno Roberto Bolaño, um querido dos críticos, e do peruano Mario Vargas Llosa, vencedor do prêmio Nobel de 2010, estão recolocando o continente no mapa cultural. Em passagem pelo Brasil, o romancista Ricardo Piglia, considerado um dos grandes nomes dos livros argentinos, faz uma análise do momento vivido pela literatura da região. Com direito a declarações polêmicas. 

0 comentários