'As pessoas que patrulharam a gente não entenderam o filme'

Experimente nosso novo player
Veja

por Veja

765
102 visualizações
  • Informações
  • Exportar
  • Adicionar a
José Padilha, diretor de 'Tropa de Elite', conversa com Carlos Graieb, editor-executivo do site de VEJA. Na segunda parte da entrevista, ele fala explica as razões que levaram parte do público a chamar 'Tropa 1' de fascista. Ele conta também se sua formação é marxista e explica por que não acredita na dicotomia entre esquerda e direita. 

0 comentários