Quer remover todas as suas pesquisas recentes?

Todas as pesquisas recentes serão eliminadas

01 # Intróito + «Ver claro»

há 10 anos779 views

1º clip do filme «Poemas a várias vozes/ Poesia na nossa vida» para o Dia da Poesia na Escola Secundária Afonso Domingues, incluindo:
* clip de divulgação [pelas alunas PTAI 1A]
* música de Gustavo Santaolalla [«Opening», «Riding Horses», «The Wings»]
* poema «Ver Claro» de Eugénio de Andrade:

Ver claro

Toda a poesia é luminosa, até
a mais obscura.
O leitor é que tem às vezes,
em lugar de sol, nevoeiro dentro de si.
E o nevoeiro nunca deixa ver claro.
Se regressar
outra vez e outra vez
e outra vez
a essas sílabas acesas
ficará cego de tanta claridade.
Abençoado seja se lá chegar.

Eugénio de Andrade